Blog

Tablet Robusto vs. Tipo “Clamshell” Robusto: Quão Diferentes eles são?

Membros do serviço militar experimentam algumas das mais duras condições de trabalho de qualquer indústria. No entanto, sempre encontram uma forma de superar desafios físicos, ambientais e relacionados com as comunicações que são tão adversos quanto suas operações diárias terrestres, marítmas e aéreas.

O nível elevado de mobilidade necessária para executar missões críticas de qualquer dimensão, em qualquer lugar, dentro de um prazo de tempo muito apertado têm impulsionado muito o compromisso dos militares de tecnologias móveis de última geração. Os líderes militares entendem que o sucesso da missão depende do êxito na transmissão em tempo real e das informações seguras entre as equipes dispersas globalmente. E não apenas durante a mobilização na frente de operações.

Dados determinam a capacidade das unidades militares para:

  • Manter o poder aéreo a partir do solo.
  • Manter missões de paz proativas em vários continentes.
  • Tomar ações rápidas contra ameaças.
  • Atender aos pedidos de apoio militar no país e no exterior.
  • Gerenciar gasto do orçamento.
  • Proteger as tropas, suas famílias e civis nas instalações.
  • Identificar e gerenciar a inteligência vulneravél.
  • Projetar e executar todos os planos militares e programas necessários em todos os comandos.

Considerando a presença global abrangente e o intenso ritmo operacional dos militares de hoje, os tablets, laptops e notebooks, genuinamente robustos são os únicos equipamentos capazes de fornecer aos decisores um elevado volume de dados seguros em tempo real.

Xplore Rugged Tablet Mobility for Military

No entanto, de todos esses fatores de forma dos computadores robustos certificados com norma MIL-STD-810G, somente um é realmente móvel. Ou seja, apenas um literalmente seguirá facilmente as tropas por todos os lugares que precisarem ir sem restrições, sem carregar uma libra a mais ao seu equipamento e sem um risco acrescido de falha do dispositivo ou desconexão de dados: tablets robustos de Nível Militar.

Contudo, ainda há uma percepção de que tablets robustos de uso militar não são tão fortes, duráveis ou confiáveis (preencher o espaço em branco) como os dispositivostipo "clamshell". O ponto controverso é a tela. Frequentemente me preocupo que os tablets com telas sempre expostas provocam mais oportunidades de danos ao dispositivo e/ou falha que os fatores de forma mais tradicionais que “se fecham” do laptop ou notebook. Mas aqui está o que você tem que lembrar:

  • O fator de forma não determina o nível de protecão robusto inerente a qualquer PC móvel; os testes rigorosos e certificações e normas bem definidas da indústria o fazem. Um tablet robusto certificação com norma MIL-STD-810G com as mesmas especificações exatas e classificação de Ingress Protection (IP) como o seu equivalente tipo clamshell robusto, desenvolvido - e se espera - que funcione sob as mesmas condições extremas como a de tipo clamshell. Se ambos tablet robusto MIL-STD-810G IP67 e laptop robusto MIL-STD-810G IP67 requerem sobreviver a uma queda de 7’ em concreto, então não importa se a tela está exposta ou fechada no teclado - Eles têm que ser testados e certificados para sobreviver nesse cenário.
  • Telas de tablets robustos são feitos de vidro ultra-resistentes Corning® Gorilla® (ou um vidro similar reforçado quimicamente), enquanto a maioria dos dispositivos não são robustos (incluso muitos com fatores de forma tipo clamshell robusto) não o são. Mas, não são apenas nos tablets robustos que as telas são reforçadas para proteger contra quedas e danos, elas são peças muito mais espessas de vidro temperado do que são usado nas telas de computadores móveis provávelmente pronto para o uso. Mesmo se outro laptop ou notebook robusto afirmar usar a mesma tecnologia de tela resistente ao estilhaçamento, eles não utilizam muitas camadas de vidro como a maioria dos tablets robustos o fazem. Por conseguinte, a medida da durabilidade não é necessariamente a mesma.
  • Dito isto, pode-se afirmar que um computador robusto tipo clamshell é tão propenso a falha do dispositivo como um tablet robusto - às vezes apenas por razões diferentes. Claro, um laptop ou notebook tem uma tela que dobra para baixo, para fins de armazenamento, mas essa posição dobrada não garante maior proteção à tela - ou para qualquer outra parte do computador robusto - do que uma tela de tablet robusto exposta bem concebida que seja quimicamente reforçada, vedada contra poeira e entrada de água, capaz de sobreviver diariamente a mergulhos em água sanitária para desinfecção após a exposição a graxa, combustíveis para aviação, etc. Você pode ver onde estou indo. Um design clamshell não vai garantir que a poeira/areia ou fluidos se infiltrem entre a tela e o teclado, mesmo quando fechados e armazenados. Estojos robustos não funcionam quando você estiver no deserto em meio a uma tempestade de areia. E pensar numa queda - ou impacto de um objeto pesado que está cai sobre o dispositivo: Uma tela clamshell nem sempre estará fechada. Se deixar um laptop cair quando a tela estiver aberta, pense nas potenciais consequências. Se um objeto pesado cair sobre um clamshell - aberto ou fechado - ainda pode danificar o teclado ou atrapalhar os componentes internos.
  • Somente tablets robustos são verdadeiramente capazes de atender cada um dps requisitos de mobilidade e processos de trabalho dos militares, sem limitação, não apenas os requisitos de dados. Porque laptops e notebooks não viajam tão bem e muitos não oferecem a mesma proteção efetiva contra a entrada de poeira, corrosão da maresia, quedas, ou contaminação por fluidos/químicos – como os tablets ultra-resistentes - esses equipamentos clamshell, nem sempre são tão acessíveis no campo. As tropas vão deixá-los em suas tendas ou escritórios, se estiverem a pé por longos períodos de tempo. Se trouxerem o computador clamshell para uso no campo, eles terão que encontrar um lugar para colocar o dispositivo e usá-lo. Mais uma vez, não é o ideal para aquelas esperadas multi tarefas e/ou comunicar-se em tempo real durante uma operação. Mesmo se todos os componentes internos fossem idênticos entre o tablet e o formato clamshell, até laptops e notebooks robustos muitas vezes precisariam de estojos resistentes para proteção adicional ou facilidade no transporte. A proteção fornecida por estojos robustos estão longe de ser tão abrangentes quanto uma proteção robusta integrada tanto para componentes internos (SSD) quanto externos.

Em resumo os tomadores de decisões militares podem estar confiantes de que tanto um tablet robusto quanto um laptop robusto (assumindo que suas especificações de classificação MIL-STD-810G e IP correspondam) oferecerão o mesmo nível de proteção robusta. Portanto, a verdadeira questão passa a ser: Qual variação de desempenho e preço (Custo Total de Propriedade) definem se o tablet robusto ou clamshell robusto deve ser favorecido para várias aplicações militares?